Notícias Fique por dentro das novidades

Sala de Leitura Jorge Amado — Hospital Português da Bahia

1 de outubro de 2004

Sala de Leitura Jorge Amado

01 October 2004

Sala de Leitura Jorge AmadoO projeto Sala de Leitura é uma iniciativa do Grupo Editorial Record e Oldembrug Marketing Cultural e tem o patrocínio da White Martins, que está montando mini-bibliotecas em cinqüenta instituições de saúde espalhadas por 17 estados brasileiros.  

Estão disponíveis gratuitamente para consulta e empréstimo 500 títulos duplos de autores nacionais e estrangeiros para que um exemplar fique disponível para empréstimo e outro reservado para leitura no local. São títulos nas áreas de Literatura Infantil, Brasileira e Estrangeira, Auto-Ajuda, Administração, Esoterismo, Ciência Política, Música, Sexualidade, Psicanálise, entre outros, devidamente selecionados para proporcionar cultura, informação e entretenimento para os leitores. O nome é uma homenagem ao escritor baiano Jorge Amado, que tão bem soube retratar o povo brasileiro, levando seus hábitos e costumes para todos os continentes.

O Centro de Estudos Prof. Egas Moniz tem a proposta de estimular as atividades em ensino e pesquisa, papel esse estabelecido na missão do Hospital Português. Além de ser responsável pela organização e manutenção de uma biblioteca com assinatura de revistas médicas nacionais e estrangeiras, e livros técnicos em várias especialidades, integra o Conselho Técnico no desenvolvimento ético, técnico e científico da assistência, e realiza sessões de atualização, sessões clínicas, conferências, workshops e eventos para promoção da saúde da comunidade.

Projeto Salas de Leitura

Idealizada pelo Grupo Editorial Record e pela Oldemburg Marketing Cultural, a segunda etapa do projeto Sala de Leitura está instalando um total de 89 mini-bibliotecas em centros culturais, escolas, hospitais e instituições comunitárias de todo o país. Além da White Martins, o projeto também conta o patrocínio da Ripasa Celulose e Papel, de FURNAS e da Chocolates Garoto.

Durante a primeira etapa, iniciada em agosto de 2003, foram inauguradas 42 Salas de Leitura.
Com o projeto, as empresas patrocinadoras viabilizam a montagem e quem recebe as Salas tem a responsabilidade de mantê-las. Além do acervo, as comunidades recebem também todas as orientações  necessárias sobre organização, manutenção e funcionamento dos espaços. Serão contemplados também os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Ceará, Maranhão, Tocantins, Amapá, Pará, Rondônia e Amazonas.