Notícias Fique por dentro das novidades e eventos

Novos desafios valorizam ainda mais a prática médica — Hospital Português da Bahia

1 de outubro de 2006

Novos desafios valorizam ainda mais a prática médica

01 October 2006

Novos desafios valorizam ainda mais a prática médicaNo dia 18 de outubro, será comemorado o Dia do Médico, uma data que se notabiliza pela sensibilização da sociedade para reconhecer publicamente o nobre papel que estes profissionais assumem pelo bem comum.

Trata-se de uma categoria profissional que, de certa forma, assimila na sua prática cotidiana a necessidade de lidar com contrastes, com o inesperado, e, ainda assim, manter a segurança e a tranqüilidade necessárias à condução da assistência àqueles que necessitam dos seus cuidados.

Mesmo com o avanço da tecnologia, humanismo é uma qualidade inerente e admirável nesta profissão que envolve arte, sabedoria e ética, proporcionando uma saudável relação médico-paciente. A humanização da medicina é uma preocupação cada vez mais presente no dia-a-dia dos hospitais, a exemplo do Português, e das instituições de ensino voltadas para a saúde.

Uma reflexão é necessária. Afinal, qual o impacto da tecnologia na relação entre o médico e seu paciente? O assunto é polêmico, mas a verdade é que medicina é uma das áreas que mais se beneficiou com a tecnologia, com a informatização e com os avanços científicos, refletindo diretamente na profissão de médico, alterando a relação do profissional com os pacientes, colegas, hospitais, planos de saúde, entre outros.

Para Dr. José Carlos Brito, presidente da Associação Baiana de Medicina, o mais importante de tudo é que o médico é um instrumento de ajuda ao próximo e que ele deve agradecer ao Senhor à missão que lhe foi confiada aqui na terra. A tecnologia é uma ferramenta, diz ele.

Atualmente, os desafios são muitos e o papel do médico não se restringi ao de assistir aos pacientes no diagnóstico e tratamento das enfermidades, cada vez mais assumindo o papel de educar os indivíduos para adotarem hábitos mais saudáveis.

Por outro lado, os médicos também têm conquistado novos desafios, acompanhando a evolução da informática, a exemplo da implantação do Prontuário Eletrônico do Paciente, aqui no Hospital Português (ler capa). Ainda dentre estas novas responsabilidade eles têm assimilado noções gerenciais, já que são responsáveis muitas vezes pela administração de clínicas, hospitais, laboratórios, sem nunca perder a percepção de que o mais importante é a vida humana.

Na opinião do superintendente do Hospital Português, Dr. Vicente Araújo, o médico além de exercer a profissão deve entender de tecnologia da informação, organização hospitalar racional e buscar o equilíbrio entre recursos financeiros e necessidades legitimas de assistência a saúde. “O Hospital é gerido pelo cenário de oportunidades e de ameaças externas que afetam de forma positiva e negativa. Por outro lado, este cenário revela os nossos pontos fortes e as fragilidades, traçando-se um planejamento racional de viabilidade administrativa, técnica e econômica, sem perder o foco à missão, valores e visão da Instituição.

É por isso, e por muito mais, que no dia 18 de outubro devemos todos saudá-los, reconhecendo os esforços que dedicam pela vida humana, dia e noite.