Pais

O que levar para a maternidade

Internamento na maternidade

Com o objetivo de agilizar o atendimento, assim que o internamento for agendado pelo médico, preferencialmente, 10/20 dias antes do parto, a paciente deve comparecer à recepção para realização da pré-reserva e marcar consulta pré-anestésica.

Os seguintes documentos são necessários:

  • Internamento eletivo através do convênio
  1. RG.
  2. Carteira do convênio.
  3. Solicitação médica com CID, código do procedimento de acordo com as tabelas utilizadas pelos convênios, assinada, carimbada e datada.
  4. Laudos de exames, relatórios médicos que comprovem a realização do procedimento.
  5. Termo de Consentimento Livre e Esclarecido assinado e carimbado pelo médico solicitante.
  6. Em tempo de pandemia, solicitamos que todas as gestantes tragam o resultado do RT-PCr que deve ser coletado 7-5 dias antes do parto.

Internamento eletivo particular

  1. RG.
  2. Solicitação médica com CID, código do procedimento de acordo com as tabelas utilizadas pelos convênios, assinada, carimbada e datada.
  3. Termo de Consentimento Livre e Esclarecido assinado e carimbado pelo médico solicitante.
  4. Depósito: o depósito é determinante de acordo com o porte da cirurgia e deve ser efetuado com 48hs de antecedência do dia do internamento.

Observações Importantes:

  • Nos casos de emergência, o internamento será realizado mediante consulta de disponibilidade de vaga, após autorização do convênio e, sendo particular, após o pagamento.
  • A pré-reserva não é garantia de vaga.
  • Acompanhante e Visitantes: informamos que o Hospital Português não faz contato telefônico com pacientes internados e/ou seus responsáveis, solicitando pagamentos de procedimentos hospitalares através de transações financeiras para crédito em conta de terceiros.

Clique aqui, imprima o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido e leve para o seu médico. 

Lista de itens para levar à maternidade:

Para a mãe:

Unid.Item
01 pctAbsorvente noturno
03Calcinha de cintura alta com reforço para abdômen
03Camisola com abertura na frente para amamentação
01Cinta (de acordo com orientação do obstetra)
01Par de chinelos
01Desodorante
01Escova e/ou acessórios de cabelo
01Escova e creme dental
01Sabonete
01Secador 220wts (opcional)
01Shampoo / condicionador
02Sutiã para amamentação
01Robby 
01Roupa confortável para alta 
01Almofada para amamentação  modelo U

Para o bebê*:

Unid. 

 Item

06    Conjunto de roupa de algodão
01 cxCotonetes
01 pctAlgodão bola sem cor
04Cueiro de flanela
01Escova para cabelo
06Fralda de tecido (para apoio)
06Lençol para berço (de carrinho)
02Manta
01Pacote de fralda descartável tamanho P
06Pares de luvas
06Pares de meias
01Sabonete liquido glicerinado (neutro)
04Toalha fralda
01Tesourinha ponta romba
02Toalha felpuda com capuz
04Toucas

*Bebê conforto / cadeirinha veicular já montada e instalada é indispensável para alta do recém nascido.

* Não orientamos o uso de chupeta, poderá prejudicar aleitamento.

*Não usamos mamadeira no alojamento, somos adeptas ao copinho a não ser por indicação da fonoaudióloga.

 

O fluxo obstétrico foi alterado durante a pandemia do COVID 19. Atenção:

– É obrigatório o uso de máscara por todas as gestantes e seu acompanhante;

– Visando à segurança foram suspensas as visitas, sendo permitido apenas um acompanhante durante todo o período de internação, que não faça parte do grupo de risco e que não apresente quadro de sintomas gripais e ou respiratórios. Na sala de parto é permitida a entrada de um acompanhante de livre escolha da gestante.

– Preferencialmente todas as gestantes para partos agendados deveram apresentar o exame RT PCR, solicitado pelo seu obstetra (realizado entre 03 a 07 dias da data que antecede o parto);

– Gestantes agendadas ou que deem entrada pela emergência obstétrica apresentando quadro suspeito ou confirmado para COVID 19 serão atendidos em local especifico.

– As gestantes suspeitas ou confirmadas para COVID 19 serão internadas em alojamento conjunto destinado para este quadro clinico.

– Os partos das gestantes suspeitas ou confirmadas para COVID 19, ocorrerão no centro cirúrgico do outro prédio do hospital ,em sala reservada para estes casos, com todo fluxo estabelecido para atender com segurança a mamãe e o seu bebê.

– Após o nascimento as mamães e seus bebês estáveis serão encaminhados para o alojamento conjunto destinado para esta patologia, seguindo as medidas preventivas orientadas pela equipe multidisciplinar.

– Caso bebê ou a mamãe apresente instabilidade clinica, esses serão encaminhados para as unidades de medicina critica de referência para o COVID 19.